Quando me perguntam sobre qual pedra usar na bancada da cozinha eu costumo dizer que existem vários materiais que a gente pode utilizar, como o granito, o mármore, o silestone e o quartzo.

Mas, por experiência própria (e por conhecer o material), eu não indico o mármore! Ele é um material poroso e que tem menos resistência. Isso quer dizer que ele vai manchar, que vai absorver gordura e que não funciona (apesar de achar o mármore lindo e maravilhoso)!

Na minha opinião um dos melhores revestimentos para se utilizar é o granito, que é uma pedra natural. Depois dele nós temos os materiais que não são naturais, como o quartzo, o silestone e o dekton, que também são mais caros.

Além destes nós temos o aço inox (o material preferido para as cozinhas industriais), o porcelanato (que é resistente, impermeável e fácil de limpar) e a madeira, que eu não indico para cozinha e nem banheiro!

Eu sou daquela ideia de que para bancada de cozinha o ideal é pedra!

Se a opção do projeto for pelo uso de um granito escuro (que têm como vantagem a limpeza), as minhas dicas são:

- Preto São Gabriel;

- Preto absoluto;

- Café imperial.

 

 Se a opção for pelo quartzo escuro, os meus escolhidos são:

- Preto stellar;

- Cinza nimbus;

- Cinza stellar.

Se as indicações forem sobre o silestone escuro, os que eu gosto são:

- Marengo;

- Kensho;

- Cemento Spa.

Depois de definir o material que você vai usar na bancada do projeto, vem mais uma pergunta: qual revestimento usar? Para este caso eu costumo dar 4 exemplos:

A bancada e um revestimento com a própria pedra para proteção;

A bancada e um revestimento cerâmico como proteção;

A bancada e um espelho (frontão de pedra) como revestimento (aí você pode pintar o restante, sem problema);

O revestimento e também a pedra (que não é necessário).

Pense assim, se o seu cliente quer economizar, a minha dica é para calcular somente a quantidade de revestimento que será usada entre o frontão e o início do armário. Isso eu te digo por uma questão estética.

Pensando na questão funcional, é preciso ter uma proteção sempre! Por isso eu te digo que se o cliente decidir usar a pedra e o revestimento juntos é apenas pela estética, pois não necessário!

Quando estamos falando de orçamento, falamos do que é mais importante para o bolso do cliente! Por isso é importante saber qual a rotina dele, quais as expectativas em relação ao projeto e, principalmente, quanto ele deseja investir neste sonho!

Na minha próxima Super Aula eu vou te contar mais sobre como detalhar uma cozinha, com as melhores dicas, testadas e aprovadas nos nossos projetos aqui da ArqExpress!

Se inscreve para aprender tudo sobre esse tema!

Beijos e até depois,

Rê.