Eu já te disse que a má escolha de um revestimento pode ser a causa de muitos acidentes!

Conhecer cada material, pesquisar e acompanhar as tendências, os lançamentos de mercado e as inovações ajudam muito na hora de especificar o produto certo para o ambiente.

Além disso é preciso entender a necessidade de cada cliente, tendo uma comunicação clara com ele sobre a funcionalidade e manutenção do espaço!

Para te ajudar, listei aqui 10 passos práticos para evitar erros de projeto. Vamos ver?

001 - Soleira: é o encontro entre dois pisos. A gente tem 3 alternativas de piso para usar nesse espaço da porta, entre dois ambientes, mas qual seria o mais adequado? No exemplo abaixo é possível ver que usando o piso da cozinha vai dar um acabamento melhor, porque a porta é de correr e ela corre para dentro do banheiro. Ou você pode usar uma pedra (3o. elemento), mas usar o piso do banheiro eu não indico, vai ficar muito esquisito.

002 - Bancada de banheiro: quando você está projetando um banheiro com espaço pequeno de bancada é preciso ter cuidado com o tamanho da cuba escolhida. A gente tem de ter um pouco de espaço livre nas laterais da cuba, nem que sejam 10 cm de cada lado. Pense na sua rotina em casa, seria muito ruim não ter um espaço de apoio na bancada, certo? E se você estiver projetando um armário superior, cuidado com a altura e profundidade da torneira da cuba, se a porta do armário abre para frente, ela não pode bater na torneira.

003 - Caimento do piso: lembrem sempre de identificar sentido do caimento do piso, dentro do box. O ralo pode ser simples, do tipo linear, ou qualquer outro tipo de ralo, mas não esquece de especificar o caimento do piso!

004 - 'Soltar' a geladeira da parede: se você tiver a oportunidade de soltar a geladeira da parede, é melhor (por causa da abertura da porta dela). Nesse caso do projeto que estou mostrando para você, nós temos uma porta de abrir, do apartamento, próxima da posição da geladeira. Então imagina que ela tivesse colada na parede, iria impedir a abertura das duas ao mesmo tempo. Aproveitamos o espaço ao lado dela, para fazer um armário.

005 - Espaço livre para preparo: nunca esqueça de prever um espaço livre na bancada da cozinha entre os equipamentos. Vai facilitar muito a rotina de quem for usar a cozinha depois. Se tiver espaço, o ideal seria ter dos dois lados da cuba, mas se não tiver, de preferência para a cuba e o fogão, seguindo a sequência: 1. retira os alimentos da geladeira -> 2. higieniza na cuba -> 3. prepara o alimento no espaço livre -> 4. finaliza no cooktop/fogão

006 - Armário de armazenamento: muito importante também, mesmo que o apartamento ou casa sejam pequenos, tentem prever um espaço de armazenamento, para guardar os seguintes itens: produtos de limpeza, mantimentos, roupas de cama e de banho, vestuário, sapatos, acessórios e decoração - é o mínimo de itens.

007 - Espaço livre para cortina: lembra sempre que a cortina precisa de espaço para correr, ou seja, aquele mesmo espaço que existe no cortineiro precisa estar livre embaixo também (estou me referindo a uma cortina com comprimento até o chão). Então, quando o móvel da sala fica próximo a parede, por exemplo, ele não pode estar colado nela, precisa de um espaço livre de 15 a 20 cm, pelo menos, para a cortina correr - lembre também que esse espaço precisa ser higienizado!

008 - Espaço livre de circulação da cama: a gente precisa ter um mínimo de espaço livre no entorno da nossa cama, então 60 cm em cada lado da cama é o mínimo!

009 - Tapete, cabeceira, luz: um tapete confortável para pisar, uma cabeceira com iluminação quente e indireta, são elementos básicos para nos trazer aconchego. Então, se você puder desde o início do projeto já prever, pelo menos, esses elementos, já é um mínimo de aconchego que o teu cliente vai ter.

010 - Espaço livre de circulação para o guarda-roupas: além do espaço livre nas laterais da cama, não esqueça que o guarda-roupas também vai precisar de espaço livre na frente, ainda mais se for um apartamento ocupado por um casal, por exemplo.

Esses foram os 10 passos [obrigatórios], que todo o profissional deve saber, para não errar nos seus projetos. Mas, e aquela dúvida sobre quais mesas, cadeiras, sofás, poltronas, aparadores escolher para especificar no seu projeto?! Eu posso te ajudar com elas também!

E a minha última dica de hoje, é para você, que quer começar o ano de 2021 como um profissional diferenciado, adquirir o quanto antes o Curso de Projeto Executivo (Módulos 001 & 002), um material essencial para você entender todo o processo antes de iniciar a obra, evitando problemas com a execução dos seus projetos!