Hoje o nosso tema é cortinas! Vamos conversar um pouco sobre qual tipo de cortina devemos especificar em cada ambiente! Mas primeiro precisamos entender o porquê e quando devemos usar uma cortina ou persiana em uma janela.

E trouxe aqui os principais motivos que normalmente nos levam a usa-las:

  1. Garantir privacidade;
  2. Controlar a luminosidade;
  3. Proteger o mobiliário do excesso de sol;
  4. Melhorar o conforto térmico dentro de casa.

Então a partir dessas características é que vamos entender o que cada ambiente necessita mais e o modelo de cortina que se adapta melhor a cada necessidade.

Vou te dar alguns exemplos:

Cortina Rolô

Com certeza está entre as mais usadas pela nossa equipe nos projetos dos nossos clientes. Ela é um modelo fácil de instalar e de limpar. Ela tem um design elegante e várias opções de cores e transparências. Garante uma privacidade moderada, proteção UVA e UVB e conforto térmico. Se você procura proteção solar, opte pela tela solar. Se você quiser deixar o ambiente mais escuro, e não tiver persiana, opte pela blackout. Mais resistente e com várias opções de cores e materiais, o blackout é muito indicado para quartos e salas de TV.

Nós utilizamos muito a cortina rolô em varandas, salas, cozinha e quartos. Eu super recomendo!

Persiana em Madeira

As persianas de madeira tem ótimo conforto térmico e bloqueiam bem a entrada de luz. Você pode escolher a tonalidade da madeira que fica melhor no seu projeto, o efeito dela é super aconchegante. Mas, quando optar por essa persiana, lembre-se de fazer um reforço caso tenha forro de gesso no ambiente. Ela fica linda! 💕

Persiana Romana

Este modelo une beleza e funcionalidade. Ela é composta de tecido e varetas internas, que lhe garantem um design único. Ao ser aberta forma camadas que se acumulam como ondas sobre a janela, fica ótima em quartos infantis e salas de estar.

Cortina de Tecido

Cortinas de tecido dão charme na decoração (essa é outra das minhas preferidas). Tecidos fechados têm maior capacidade de bloquear o sol: o veludo, a seda, o algodão e o linho cumprem bem este papel. Já o voal e o chiffon, por exemplo, são os preferidos de quem quer deixar mais luz invadir os ambientes. Quem me segue lá no instagram já sabe que o meu tecido preferido para cortinas é o linho. 💕

Os ambientes em que mais usamos elas são quartos e salas.

Você pode sempre compor com diferentes soluções de cortinas e persianas. Para quartos recomendamos a combinação de rolô blackout com cortina de tecido.

Gostou das dicas de hoje? Quer aprender mais sobre esse assunto?

Então você precisa se inscrever na minha Super Aula, inédita e gratuita, juntamente com a equipe da Hunter Douglas. Vamos falar sobre como especificar cortinas!

Esta aula vai acontecer hoje, 18/04/2022, às 19 horas! Para você se inscrever, basta preencher um pequeno formulário.

Nos vemos às 19 horas, combinado?

Até lá,

💕